Sofri CORTE QUÍMICO. E agora?

- beleza, cabelo, post

Em Abril passei por um momento bem difícil com meu visual e minha auto estima, descobri que estava com CORTE QUÍMICO e o único jeito era CORTAR. Demorei um bom tempo para ver o que realmente tinha acontecido com meu cabelo. Gastei dinheiro e mais dinheiro com produtos para hidratação, para abaixar o volume, para controlar os cachos, para devolver o brilho e a maciez e nada, absolutamente NADA funcionava. Fiquei desesperada? Sim, fiquei… Na minha humilde opinião, além do olhar, o cabelo é o que conta muito na apresentação de uma pessoa, ainda mais quando vamos fazer entrevista de emprego, conhecer gente nova e por mais que falam pra gente:” ai que bobagem, a gente não repara nisso”, é mentira pois reparam siiim

Como sei que o cabelo é um dos principais cuidados que todas nós amorequinhas temos, resolvi fazer vlog mostrando como estava o meu cabelo, o que causou esse corte químico e mostrei também a parte na qual corto meu cabelo ~ no caso fui num cabeleireiro para tal ~

 

Como eu descobri que estava com corte químico?

Já podemos perceber que ele se dá devido a muita química no cabelo. É normal acontecer principalmente em quem faz progressiva sempre mas costuma também não fazer com um só profissional e acaba misturando produtos e produtos. Também acontece com quem descolore o cabelo para ficar loira ou colocar outra cor, como o ruivo ~ onde pede um descoloramento primeiro ~ assim como relaxamento…enfim…tudo o que envolve QUÍMICA. O cabelo quando sofre este corte químico costuma apresentar as seguintes formas: o cabelo quebra com facilidade, pontas duplas ou triplas, o cabelo fica elástico, TOTALMENTE, cabelo sem brilho, sem textura, sem acabamento, sem maciez. Por isso que antes de colocar qualquer tipo de química no cabelo, é recomendado fazer o teste, pois somente assim saberemos se nosso cabelo é compatível com aquilo ou não. Uma das outras coisas que causa o corte químico também é utilizar produtos que não se combinam, como por exemplo: fazer progressiva que contém amônia e utilizar depois dióxido de sódio ou vice-versa. Com tudo isso, acabei conhecendo as técnicas NO POO ~sem shampoo~ e a técnica LOW POO ~pouco shampoo~ e com os grupos no facebook, acabei vendo quais produtos são compatíveis e quais não são ~é uma lista enorme, procura depois no google amorequinhas e amorequinhos ?

 

Posso dizer que hoje em dia, com a técnica do low poo, meu cabelo tem seguido forte, com brilho, maciez, tem texturinha, enfim..tá liiindooo ~modéstia a parte~ E com o corte químico vi que não adianta usar váááários produtos de shampoo e condicionador que prometem o mundo e na verdade acabam danificando seu cabelo sem percebermos, como também percebi que não é o certo ficar testando várias formas de alisar o cabelo porque coleguinha usou tal produto e no dela ficou perfeito. Cuide beeem do seu cabelinho, veja com o que ele é compatível e lembre-se, use os produtos no qual ele diga: “é esse que me adaptei e quero usar” rsrsrs

 

Beijoquitas no ❤ de cada um de vocês e até o próximo post

Previous Story
Next Story

You Might Also Like

Sem Comentários

Deixe seu comentário